Óleos essenciais na cosmética Natural ayurvédica

Óleos essenciais na cosmética natural ayurvédica, que são e para que Servem

Os Óleos essenciais são de origem vegetal e são constituidos por Compostos Orgânicos Volâteis (COV ou VOC em inglês), também designados por terpenos.

Para a obtenção dos óleos essenciais, são necessárias técnicas de extração, como prensagem a frio e diferentes tipos de destilação. Os terpenos podem ser extraídos das folhas, raízes, sementes, frutos, flores e dos troncos de plantas. E os Óleos essenciais  são sintetizados, armazenados e disponibilizados pelas plantas.

Os terpenos constituem os óleos essenciais e nos trazem muitos benefícios

Terpeno é uma palavra de origem grega, que significa cheiro/odor agradável, ós terpenos são substâncias químicas que provem dos vegetais e que estão presentes nas mais diversas plantas e não somente nos pinheiros e nas coníferas.

Os Terpenos representam a classe mais importante de substâncias químicas secretadas pelos vegetais e são derivados de uma molécula (isopropeno) formada por várias ligações de carbono. Esta Substância química natural oriunda das plantas  representa a classe mais importante de substâncias químicas secretadas pelos vegetais e são derivados de uma molécula (isopropeno) formada por várias ligações de carbono.

Terpeno – é uma palavra que deriva da terebintina, uma resina proveniente dos troncos de pinheiros, mas que também se encontra em frutas cítricas (como a laranja), nos eucaliptos, roseiras, entre outras.

Os terpenos podem originar outros compostos, porque podem reagir com eles mesmos ou com outras substâncias, e dar origem a novos compostos químicos como a cânfora, vitamina A, e outros.

Benefícios dos Óleos essenciais

Visto que a maioria dos óleos essenciais contém terpenos em sua composição, isso signifíca que os benefícios que eles podem nos oferecer são muitos e variados:

Os Óleos essenciais

  • Eucalipto, lavanda, canela, tomilho e melaleuca

Funcionam como antissépticos, anti-inflamatórios e antibacterianos, libertando de bactérias e fungos como Escherichia coli e Cândida albicans. Podem ser utilizados na cosmética natural ayurvédica, na cura terapeutica, e podem ser usados por vários equipamentos  desenvolvidos com o objetivo de purificar e higienizar o ar, eliminando poluentes que podem causar danos à saúde.

Propriedades expectorantes e diuréticas, que podem ser obtidas por meio da ingestão de óleos essenciais, como:

  • Eucalipto.

Atenção: nunca faça uso de nenhum medicamento sem orientação médica. Os óleos essenciais são naturais, porém não deixam de ser remédios que podem provocar efeitos colaterais.

Outros benefícios estão relacionados aos efeitos no trato gastrointestinal, atuando na diminuição de espasmos, e agindo contra a insônia, dos óleos essenciais de menta e de verbena, conferindo-lhes propriedades sedativas.

Limoneno

O Limoneno ou d-Limonene, considerado o mais comum terpeno encontrado na natureza. O limoneno tem um odor a limão e existe nas frutas, especialmente nas cítricas, em vegetais, e pode ser adicionado a carnes para ajudar a diluir gordura e tirar o odor de cru.

Óleos essenciais constituídos principalmente de limoneno.

  • Cominho,
  • Óleo de endro
  • Óleo de neroli
  • Óleo de bergamota

Usos do terpeno contido nos oleos essenciais

Os terpenos têm um grande potencial de interferir nas funções comportamentais, fisiológicas e bioquímicas dos insetos. Isso se deve às propriedades tóxicas, repelente e de atratividade que os terpenos possuem sobre os insetos. Por isso, os terpenos são utilizados em inseticidas, tanto para uso doméstico como para uso agrícola, em repelente de insetos, desinfetantes, fungicidas, solventes como o aguarrás, desengraxantes industriais, entre outros produtos, como alguns purificadores de ar e higienizadores que se utilizam das propriedades bactericidas dos terpenos para diminuir a quantidade de poluentes, bactérias e fungos que podem causar danos à nossa saúde.

Se você preferir meios alternativos, algumas plantas em oleos essenciais são capazes de limpar o ar de ambientes internos com muita eficiência, além de serem de baixo custo e se tratar de uma medida sustentável .

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *